Seja bem vindo
Delmiro Gouveia,24/07/2024

  • A +
  • A -

Billie Eilish revela crise de identidade e briga com FINNEAS durante produção do novo álbum

Lançado no último dia 17, “HIT ME HARD AND SOFT” chegou aclamado pelo público e crítica

Fonte: POPline
Billie Eilish revela crise de identidade e briga com FINNEAS durante produção do novo álbum Imagem: Reprodução

Atualmente emplacando todas as 10 faixas do novo disco no Top 27 Global do Spotify, Billie Eilish fez, recentemente, algumas declarações sobre o projeto. A cantora contou que o “HIT ME HARD AND SOFT” (2024) veio após um período marcado por uma crise de identidade, e o definiu como o álbum mais “pessoal” de sua carreira. Billie revelou, ainda, uma briga “feia” com o irmão, o produtor e compositor FINNEAS, o que mudou um pouco o curso da produção do disco.

Em recente entrevista para o locutor de rádio Zane Lowe, para o Apple Music, a artista praticamente afirmou, em outras palavras, que o “Happier Than Ever” (2021) correu para que o “HIT ME HARD AND SOFT” pudesse andar. Ela disse que durante a produção de seu segundo álbum de estúdio estava imersa em um contexto bem diferente em comparação ao do último projeto.

“Representou, para mim, algo como ‘eu não sei mesmo quem eu sou’ [sobre o ‘Happier Than Ever’]. O ‘HIT ME HARD AND SOFT’ é o oposto disso […]. Eu me sinto confortável com quem eu sou agora, eu sei quem sou agora. Eu acho que esse álbum é a coisa mais ‘eu’ que já fiz. É puramente eu e não sobre qualquer personagem criado”, contou Billie.

A artista detalhou, ainda, uma briga impactante que teve com FINNEAS durante o processo criativo do disco. Eles trabalham juntos desde a estreia da cantora na música. Billie contou que o irmão simplesmente chegou no estúdio dizendo que não se sentia mais confortável para compor naquele momento, e que isso a ‘obrigou’ a se desafiar e se arriscar mais na composição.

“Estávamos escrevendo e FINNEAS disse: ‘Eu não estou conseguindo entender o que você está sentindo’, e não quero jogá-lo para debaixo do ônibus mas ele disse que não queria mais fazer música. Eu estava finalmente gostando do processo e ele preferia estar fazendo qualquer outra coisa […]. Eu sempre fui mais tímida e menos confiante como compositora, ele se sentava no estúdio e começava a tocar guitarra sem dizer nada e eu ficava sem entender o que fazer. E isso me incentivou a fazer muita coisa sozinha. Então por isso esse álbum é o que eu mais contribuí, produzi e compus sozinha”, detalhou a cantora sobre os contratempos com o irmão em estúdio.Aclamado pelo público e pela crítica, o terceiro álbum de Billie Eilish deve debutar no topo da Billboard 200 nos próximos dias. Nas redes sociais, internautas e fãs apontam ela como a vencedora do próximo prêmio de “Álbum do Ano” no Grammy Awards 2025. A lista completa de indicados será revelada em novembro.





COMENTÁRIOS

Buscar

Alterar Local

Anuncie Aqui

Escolha abaixo onde deseja anunciar.

Efetue o Login